Mandacaru Quando fulora na seca É o sinal que a chuva chega No sertão


ZÉ DANTAS E LUIZ GONZAGA
O XOTE DAS MENINAS

- E nem chove, hein, Mãe Nácia? Já chegou o fim do mês...Nem por você fazer tanta novena... - Tenho fé em São José que ainda chove! Tem-se visto inverno começar até em abril.


RACHEL DE QUEIROZ
TRECHO DO ROMANCE O QUINZE

...Quando um estreito frio, ou que ameaçava chuva, elas davam anúncio, uma dor surda, mas bem penosa, e umas pontadas.


JOÃO GUIMARÃES ROSA
TRECHO DO ROMANCE NOITES DO SERTÃO

O sistema climático é complexo, não linear e, à luz do conhecimento atual dos fenômenos físicos, não é possível predizer com baixo grau de incerteza como o sistema reagirá em relação a todas as alterações a que ele está sujeito.


LUCI HIDALGO NUNES (2009)
IN POPULAÇÃO E MUDANÇA CLIMÁTICA: DIMENSÕES HUMANAS DAS MUDANÇAS AMBIENTAIS GLOBAIS

Conhecer a atmosfera do planeta Terra é uma das aspirações que vêm sendo perseguidas pela humanidade desde os tempos mais remotos.


FRANCISCO MENDONÇA E INÊS MORESCO DANNI-OLIVEIRA (2007)
CLIMATOLOGIA:NOÇÕES BÁSICAS E CLIMAS DO BRASIL

...devemos prosseguir em atividade, trabalhando com os meios ao nosso alcance pois há uma tarefa enorme a realizar, cujas perspectivas são ilimitadas, sobretudo nas latitudes tropicais onde tanto está ainda por investigar no domínio atmosférico.


JOSÉ BUENO CONTI
CIRCULAÇÃO SECUNDÁRIA E EFEITO OROGRÁFICO NA GÊNESE DAS CHUVAS NA REGIÃO LESNORDESTE PAULISTA (1973)

Os ventos começavam a soprar mais espertos e como agitavam as almas das coisas, arrancando do torpor para a vida.


GRAÇA ARANHA
TRECHO DO ROMANCE CANAÃ

Quando o juazeiro flora, em novembro, é sinal de inverno tardio.


JOSÉ ERASMO BARREIRA
SERTANEJO DE 67 ANOS DE QUIXADÁ
PROFETA DO CLIMA

O tratamento do clima urbano, como um dos componentes da qualidade ambiente, não poderá ser considerado insignificante para o mundo moderno.


CARLOS AUGUSTO DE FIGUEIREDO MONTEIRO
TEORIA E CLIMA URBANO (1976)

Configura-se, assim, o eterno dilema da Climatologia Geográfica: primeiro destruir para depois recompor ou ir direto a gênese dos fenômenos?


JOÃO AFONSO ZAVATTINI E MARCOS NOBERTO BOIN
CLIMATOLOGIA GEOGRÁFICA: TEORIA E PRÁTICA DE PESQUISA (2013)

Publicações

© 2018 - ABClima - Todos os direitos reservados.
Idealização e desenvolvimento: Charlei A. da Silva (2013/2014)
Programação: Excla!m